Câmara entrega prêmio João Paulo II
Câmara entrega prêmio João Paulo II

Em sessão solene realizada na noite desta quarta-feira (20), a Câmara Municipal de Curitiba promoveu a entrega do prêmio João Paulo II. A premiação, criada em 2006 é realizada anualmente e tem por objetivo agraciar pessoas e entidades não governamentais que desenvolvem ações em defesa das causas apoiadas pela Igreja Católica.

No evento foram homenageados: Adelina Bridi Cantú, ministra de Eucaristia por mais de 20 anos, que atua no Santuário Santa Rita de Cássia; Arlete Terezinha de Souza, mestre de Eucaristia da Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora. Em nome da Congregação das Irmãs Franciscanas da Sagrada Família de Maria, a irmã Terezinha de Fátima Silva; João Zablocki, metalúrgico aposentado, desde 1967 trabalha voluntariamente para a Igreja; Maria Teresa Motta Oliveira, professora aposentada, catequista por mais de 40 anos.

Por proposição do Vereador Cristiano Santos (PV), o padre Rodrigo Augusto Souza representando o Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, uma das principais e mais tradicionais paróquias de Curitiba, que desenvolve trabalho na área de ação social para dependentes químicos e o e ações de solidariedade, orientação jurídica, psicológica, reforço escolar e distribuição de alimentos.

O padre e teólogo João Ademir Vilela atuou, em 2007, na formação de seminaristas e coordenou a obra social Santo Aníbal, referência na capacitação de crianças e adolescentes e também os padres Carison Kapelinski e  Rivael de Jesus Nascimento.

A solenidade foi presidida pelo vereador Cristiano Santos e contou ainda com a presença de Fernando Mauro Nascimento Guedes representando o prefeito Gustavo Fruet; tenente Wanderley Antônio Faustino, representando o comandante do Cindacta II, coronel aviador José Vagner Vital; Denilson Pires, ex-vereador, representando o secretário-chefe da Casa Civil, Eduardo Francisco Sciarra; e Pio Santana representando o diretor presidente da Fundação Cultural de Curitiba, Marcos Antonio Cordiolli.

Conecte-se