Em 3 anos, Curitiba coletou mais de 78 toneladas de lixo eletrônico
Em 3 anos, Curitiba coletou mais de 78 toneladas de lixo eletrônico

Em resposta ao questionamento oficial de autoria do vereador Cristiano Santos (PV), a Prefeitura de Curitiba informou que nos últimos 3 anos, mais de 78 toneladas de lixo eletrônicos tiveram a destinação correta na cidade. 2016 foi o ano com a maior coleta deste tipo de material com mais de 32 toneladas.

Os números são atrativos, porém, no documento encaminhado ao vereador a informação é de que não há na cidade nenhum tipo de controle com relação aos postos de coleta de resíduos eletrônicos e que o acordo com indústrias fabricantes destes produtos também não foi firmado no município como estabelece a Lei Federal 12.305/2010.

“O assunto é bastante sério e precisa ser tratado com mais atenção visto o aumento no consumo de materiais eletrônicos, o que por consequência torna o descarte de produtos velhos ou sem funcionamento cada vez maior também” comentou Cristiano.

Ainda segundo dados da Prefeitura, a cidade conta hoje com apenas duas empresas para recepcionar e processar a reciclagem destes materiais: A empresa Sete Ambiental, localizada no bairro Prado Velho e a empresa M1-INFO, no bairro Xaxim.

Além das empresas, Curitiba conta também com o Programa Lixo que não é Lixo, que recolhe até dois aparelhos eletrônicos por família e pode ser solicitado pelo telefone: (41)3313-5739.

Conecte-se