Projeto que obriga a Bombeiro Civil em Curitiba deve ir a plenário ainda em 2017
Projeto que obriga a Bombeiro Civil em Curitiba deve ir a plenário ainda em 2017

Aprovado pelas Comissões de Legislação Justiça e Redação e Urbanismo, o projeto que torna obrigatória a presença de bombeiros civis em estabelecimentos com área igual ou superior a 3 mil metros quadrados, aguarda apenas o relatório da Comissão de Direitos Humanos para ser encaminhado ao Plenário da Câmara Municipal.

De autoria do vereador Cristiano Santos (PV), o projeto 005.00081.2017 determina que hotéis, faculdades, casas de show e demais estabelecimento que se enquadrem nas exigências da redação da lei, sejam obrigados a manter pelo menos 1 bombeiro civil contratado e também a dispor de 1 desfibrilador Externo Automático (DEA), bem como, aparelhos e materiais de primeiros socorros em local adequado para atendimento ao público.

“O projeto trata de segurança pública e tenho certeza que o entendimento da Comissão será pelo trâmite da matéria visto a importância da discussão para Curitiba”, comentou Cristiano.

Sendo encaminhado a Plenário o projeto será discutido pelos 38 vereadores que votarão pela aprovação ou arquivamento da matéria. Se aprovado, segue para a análise do Prefeito e poderá entrar em vigor em 180 dias após sua sanção.

Conecte-se